Pequenos Sabores: Croasonho

Luíza Tiné sex, 14/08/2015 - 17:46

Imaginem só a mistura de um croissant com um sonho, duas figurinhas bastante conhecidas em festas infantis e delicatessens. O resultado disto se deu na Croasonho, rede gaúcha de doces e salgados que acaba de abrir sua primeira loja na capital de Pernambuco. A loja, que faz parte das quase 70 espalhadas por todo o Brasil, fica no Shopping Recife, sob o comando do grupo baiano Crust, do empresário Vinícius Moraes. Por lá, um cardápio cheio de delícias: são 46 tipos de recheios, sendo eles 21 salgados e 25 doces, em tamanhos pequenos, médios e grandes. A mistura é bem inusitada - as partes externas são folhadas e crocantes, enquanto o interior é bem macio. 
@
E a ideia vem sendo bastante aceita no Recife. Desde a sua inauguração, a Croasonho superou a expectativa da meta de vendas. Nos finais de semana a produção chega a quase mil croasonhos por dia, com a média de 10 a 15 minutos para ficarem prontos. A tabela de preços vai de R$10,55 a R$24,95 e no menu, também podem ser encontrados cafés, chás, milk shakes, sorvetes, sucos, saladas e carta de vinho. Entre as opções que estão fazendo sucesso entre o público está o croasonho de Frango com Cream Cheese e Bacon, recheado também com alface e tomate (R$11,75 opequeno, R$15,35 o médio e R$18,35 o grande; assim como o Filé Cinco Queijos, feito com iscas de filé mignon com queijos mussarela, prato, provolone gorgonzola e parmesão (R$13,35 o pequeno, R$16,95 o médio e R$19,95 o grande) e o de Tomate Seco com queijo mussarela, rúcula e orégano (R$10,95 o pequeno, R$14,55 o médio e R$16,95 o grande).
@
No quesito doces, que é a paixão de muita gente, as opções não decepcionam. Destacamos o Doce de Leite Duplo com Morangos e Chocolate (R$12,95 pequeno, R$16,75 médio e R$18,95 grande), cobertos com verdadeiro chocolate Nestlé ao leite ou branco e o Cookies n'Cream com Sorvete (R$13,55 pequeno, R$16,95 médio e R$19,95 grande), recheado com creme de baunilha e biscoito Negresco triturado coberto com chocolate Nestlé ao leite ou branco e uma bola de sorvete, que pode ser de morango, chocolate ou creme. A mistura da massa salgada do croissant com o doce dos recheios faz com que a iguaria não fique enjoada.

O cardápio da Croasonho também conta com a opção Semana Croasonho de segunda a sábado, que oferece uma opção de sabor de croasonho salgado por dia no tamanho médio acompanhado por um refrigerante de lata ou garrafa KS, custando R$17,35. A loja fica na quarta etapa do Shopping Recife e funciona de segunda a sábado das 9h às 22h e aos domingos das 12h às 21h, com exceção dos feriados.

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Anna Corinna Douce Et Chocolat

Luíza Tiné qui, 06/08/2015 - 18:57

Tudo que é feito com chocolate é gostoso. E quando o ingrediente principal, além da matéria prima derivada do cacau, é muito amor e dedicação? A receita tem tudo para dar certo. E é desta tal receita que, pelos últimos 15 anos, vive a chocolatier Anna Corinna, que abandonou a Fonoaudiologia para dedicar-se às panelas. A paixão pelos doces é de família - sua mãe, dona Salete, tinha uma loja em Caruaru, no Agreste Pernambucano, onde ela passava grande parte de seus dias na infância. O talento para o ofício veio então, de forma natural.
@
Anna Corinna se formou em Gastronomia e passou a se especializar ainda mais no assunto, participando de pesquisas, workshops, aulas e cursos ministrados em todo o Brasil e em alguns lugares da Europa, como Paris. A produção começou com o atendimento especial para noivas, quando foi começando a construir seu negócio até vira referência em doces exclusivos para casamentos e festas sofisticadas pelo Recife. Há quase dois anos atrás, ela resolveu abrir a Anna Corinna DouceEtChocolat, que reúne, em um só lugar uma chocolateria, casa de chás, cafés e patisserie. E é lá que ela passa a maior parte do seu tempo. Difícil não chegar na loja, que funciona em Boa Viagem, e não encontrar a chef circulando por lá, entre a cozinha, espaço onde estão os clientes e a sala especial para o atendimento às noivas (que por sinal, tem um cardápio exclusivo só pra elas), sempre com um sorriso no rosto e muito simpatia.
@
O lugar é aconchegante: teto solar, luz baixa e cardápios de vários restaurantes ao redor do mundo decoram o bistrô, que tem tons de vermelho, assim como a pimenta, sua marca registrada. Por lá, recentemente, o cardápio foi repaginado e ganhou, além dos bolos e doces já conhecidos pelo público, opções de salgados, além dos novos rótulos de cervejas e vinhos e o tradicional Chá da Tarde Completo (R$58) que reúne pães, doces e salgados com mais de 15 itens. Entre os salgados, a Marinada de Boeuf (R$25,80) vem fazendo sucesso: trata-se de um croissant recheado de lombo marinado em conserva de pimentões ao azeite e vinho branco, com um sutil toque tapenade, acompanhado de mini salada e molho agridoce. Outros sanduíches, como a Fondata (R$23,80), uma deliciosa fondue de queijo, servida em pão italiano, compõe a parte salgada da casa.
@
Já os doces - carros chefe! - se destacam os Macarons (R$4) nas versões noir, ao leite, caramelo, maracujá, frutas vermelhas e baunilha. A réplica dos docinhos parisienses é bem crocante por fora e macio por dentro, do tipo que derrete na boca e não, não é enjoado! Diga-se de passagem, por lá, é difícil encaixar a palavra "enjoado", já que tudo por lá é feito com base no verdadeiro cacau. O diferencial dos pratos doces servidos no atelier de Anna Corinna é o punhado de algodão doce como acompanhamento, o que chama atenção. Nas opções doces do novo menu, estão os Churros (R$13,10) que vem com Nutella e Doce de Leite, saindo das barraquinhas de rua e ganhando um toque especial da chef, conquistando o paladar do público. As várias opções de brigadeiros - tem até de caipirinha! - e bolos fazem do ateliê um verdadeiro paraíso dos doces. 
@
No Anna Corinna DouceEtChocolat também estão disponíveis opções de presentes, como cestinhas com criações exclusivas da casa. A loja funciona na Rua João Dias Martins, na mesma rua da Igrejinha Nova de Boa Viagem, de terça a domingo das 15h às 21h. 

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Analu Atelier de Doces

Luíza Tiné sab, 27/06/2015 - 14:10

Um espaço de cores amarela e cor-de-rosa bem vivos chama a atenção de quem passa pela Galeria Guararapes, em Boa Viagem. E quem passa na frente do local que tem a caricatura de uma menininha dos cílios compridos e um sinal no rosto, fica mais curioso ainda. Nós estamos falando do Analu Atelier de Doces, uma lojinha simpática que reúne as delícias feitas por Ana Luiza de Souza, como os bolos red velvet e naked cake de bem-casado, quiche de peito de peru com cebola caramelizada e cupcakes de beijinho, banana, morango, caramelo e ovomaltine. Tudo isso com um atendimento feito com um sorriso no rosto!
@
Formada em Hotelaria pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Ana Luiza confessa que desde pequena gostou de cozinhar, principalmente sobremesas. "Eu sempre gostei de estar entre panelas" comenta a cozinheira, confeiteira e dona da loja, que conta com a ajuda do irmão e sócio Flávio, na parte administrativa. Ainda durante a faculdade, a jovem viajou para Portugal e durante seis meses estagiou na cozinha de um hotel, onde pode aprimorar seus conhecimentos, e quando voltou, passou a fazer cupcakes e bolos decorados com pasta americana para os familiares, além de criar novas receitas. Quando ela resolveu fazer daquilo a sua carreira profissional, lançou a loja online e montou a primeira cozinha do atelier em Casa Amarela.
@
Após três anos atendendo na Zona Norte da cidade, o Analu Atelier de Doces mudou para Boa Viagem, onde abriu as portas da loja física no mês de outubro de 2014. Ana Luiza conta que a produção aumentou bastante, mas em consequência disto, a clientela também cresceu. Lá, os clientes podem experimentar os produtos que ficam expostos na vitrine e então fazer as suas encomendas, já que segundo ela, ainda exisita uma certa resistência das pessoas em fazer os pedidos online, e também levá-los em embalagem para viagem. Entre as opções doces e salgadas que podem ser encontradas diariamente, estão os cupcakes de diversos sabores (R$6,50), quiche de banana da terra com charque (R$8,50), mini-cheesecake (R$8,50), folhado de carne de sol com requeijão (R$7,50) e muito mais, todos produzidos pela própria Ana Luiza, e por sinal, deliciosos. A lojinha é um ambiente bastante aconchegante para quem está procurando uma boa sobremesa após o almoço ou para tomar o cafézinho da tarde, e nos dias de sexta e sábado, é dia de Pãozinho da Analu, receita de família que ela resolveu partilhar com os clientes.
@
Além de abrir a loja diariamente, as encomendas também não param. O carro-chefe da casa, sem dúvidas, é o bolo red velvet. Ana Luiza readaptou a tradicional receita americana que mistura açúcar e manteiga com cream cheese e acrescentou geleia de frutas vermelhas, que dá um toque mais adocicado e faz com que o gosto fique diferente do original. A ideia deu tão certo que ela conta que quase todas as encomendas feitas no atelier, sempre o red velvet. A fatia do bolo, que também está sempre em exposição, custa R$10. O Analu Atelier de Doces funciona às segundas-feiras das 10h às 18h, e de terça a sábado das 10h às 19h, e fica na Rua Maria Carolina, número 205, sala 06. O trabalho de Ana Luiza também pode ser acompanhado através do Facebook, Instagram e site oficial com loja online. E vem novidade por aí: até o fim deste ano, a confeiteira quer acrescentar ao cardápio opções de churros e demais sobremesas. Ficamos no aguardo!

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Mr. Mix

Luíza Tiné sex, 15/05/2015 - 14:14

No calor que faz no Recife, abrir uma franquia de uma loja de milk shakes, sorvetes e toda uma linha de gelados é sempre uma boa opção. Foi pensando nisso que os irmãos Victor e Thiago Caldas resolveram inaugurar na Zona Sul da Cidade mais uma Mr Mix. A loja, que tem sua matriz em São Paulo, já conta com quase 200 unidades espalhadas por todo o Brasil e Pernambuco, por sinal, é o estado que reúne o maior número. O diferencial da marca é um produto de qualidade, com preços acessíveis, que chamam a atenção das pessoas e rapidinho formam uma clientela fiel.
@
Localizada na Avenida Conselheiro Aguiat, número 4734, Thiago e Victor foram felizes com a escolha do ponto. Nas proximidades da loja estão a Pracinha e Marcado Público de Boa Viagem, bancos, galerias, hoteis e prédios empresariais e residenciais, ou seja, área movimentada. A ideia de abrir a Mr Mix partiu da vontade dos irmãos de ter um negócio juntos e a credibilidade da marca no mercado gastronômico fez com que fosse tomada a decisão final. No cardápio da loja, podem ser encontrados mais de 50 sabores de milk shakes, além de sorvetes, sundaes, açaí e petit gateau, todos com direito a acompanhamentos extras especiais (os famosos toppings) que ficam a critério do cliente.
@
A dupla de empresários conta que o sabor mais pedido, que lidera as vendas, sem dúvida, é o de Ovomaltine. Outras opções como o Sensação (chocolate com morango), Macaco Loko (banana com chocolate) e o tradicional de morango também são alguns citados como favoritos. Os milk shakes são divididos entre tradicional (brigadeiro, beijinho, capuccino, chocolate branco, menta, doce de leite, entre outros), frutas (maracujá, maçã verde, cereja, cupuaçu, uva...) e premium (chocolate com avelã, framboesa, frutasvermelhas, Kinder Ovo, creme de paçoca e muito mais). Os demais gelados são separados em sundae e mega sundae, cascão, sorvetes mix, especiais e a linha Açaí.
@
Além da grande variedade de sabores, o diferencial do Mr Mix é a qualidade dos produtos, em especial os milk shakes, que são o carro-chefe da casa. A textura é diferente de muitas lanchonetes, restaurantes e padarias, que às vezes exageram no líquido. Por ser algo mais consistente, muitos clientes até pedem uma colher além do canudo para saborear a bebida. Outra preocupação da marca é de produzir tudo com frutas frescas e não abrir mão das vitaminas: os produtos da Mr Mix são conhecidos por serem de fato, saudáveis.
@
Porém, o que mais chama atenção no empreendimento é o preço: lá existem milk shakes de 300ml custando R$5 e 500ml custando R$7, assim como o sundae ao preço de R$4 e os sorvetes mix, R$6. Os acompanhamentos extras, escolhidos pelos clientes, custam a partir de R$1. Uma boa pedida para todas as idades! A Mr Mix de Boa Viagem funciona de segunda a sábado das 10h às 22h, e aos domingos e feriados das 14h às 22h, e o público também pode acompanhar o movimento da loja através das páginas oficiais no Facebook e Instagram (@mrmixboaviagem). Vale a pena conferir!

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Café Café

Luíza Tiné qua, 15/04/2015 - 19:11

Imaginem um lugar aconchegante, no coração da Zona Sul do Recife, onde se pode encontrar mais de 30 tipos diferentes de cafés quentes e gelados, além de um menu repleto de opções para café da manhã, almoço e jantar. Este é o Café Café, que fica na Rua Benvinda de Farias, número 435, no bairro de Boa Viagem. O ambiente, que oferece sala de reunião com capacidade para dez pessoas, além de espaço reservado para leitura e vídeo, é decorado com sofá e poltronas com um estilo retrô, que combinam com a ideia do cafézinho da tarde. O diferencial da casa, no entanto, é que os clientes podem frequentar o local das 7h às 21h, de segunda a sábado.
@
No menu do Café Café, encontra-se desde os tradicionais capuccinos e expressos até as criações próprias, como o Afogatto Café Café e demais opções que envolvem café trufado com ganache de chocolate, leite vaporizado, cacau em pó e ovomaltine. Os gelados ganham um toque especial de doce de leite, sorvete ou chantily e ainda são servidos em elegantes taças. O sabor, então, faz jus à apresentação da bebida. Tudo muito suave, de forma que quem toma uma opção quente, pode tomar uma gelada sem nenhum problema. Além dos cafés, também são servidas bebidas alcóolicas, como vinhos e cervejas, além de refrigerantes e dos sucos - estes últimos que compõem também os combos de café da manhã.
@
A casa também é conhecida pelos sanduíches, como o de filé ao poivre, que pode ser servida tanto no pão comum quanto integral ou baguete italiano. Além disso, as iguarias regionais como cuscuz com ovos temperados e bacon, creme de abóbora com charque desfiada e tapioca com crosta de parmesão. Destaque no meu dos salgados estão os omeletes, que são receitas exclusivas do Café Café, como o Omelete Palatino (frango desfiado, presunto, queijo mussarela e cubos de tomate) acompanhado por meia salada São Paulo (mix de folhas, tomate cereja, palmito, parmesão ralado e molho) e o Canelone de Beterraba (brandade de bacalhau com molho quatro queijos).
@
As sobremesas do lugar também chamam a atenção, como a Bruscheta de Brie, que mistura o doce com o salgado, coisa fácil de cair no gosto e no paladar dos clientes. Tortas, waffles, brownies, pastel de Belém, torrada de bolo de rolo com queijo do reino e sorvete completam as delícias do menu. Além do ambiente gostoso de se estar, o Café Café dispõe de atendentes simpáticos e atenciosos. Próximos a empresariais, colégios e academias, o local é sem dúvida, uma parada obrigatória em Boa Viagem. Uma outra unidade também existe no bairro do Pina, na Avenida Domingos Ferreira, número 1000, funcionando de segunda a sábado, das 11h às 20h.

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Dear Donuts

Luíza Tiné qua, 21/01/2015 - 18:47

Quem nunca assistiu um episódio do seriado Os Simpsons e ao ver um dos personagens comendo uma rosquinha, não sentiu vontade de experimentar? E quem nunca ficou imaginando o gosto que teria aquela que o policial do filme americano estava comendo enquanto tomava café no carro da viatura? Os recifenses não precisam mais ficar só na vontade porque a capital pernambucana agora conta com uma casa dedicada à iguaria.  Tudo começou por causa de um pedido particular dos filhos. Então, foi a partir daí que as sócias Rita de Cássia Machado e Paula Barros resolveram abrir, no último mês de janeiro, a Dear Donuts, no bairro do Rosarinho. Amigas de longas datas, a dupla sempre teve vontade de começar um negócio em parceria, e a ideia de trazer as tradicionais rosquinhas americanas para o Recife surgiu após viajarem juntas, com suas famílias, para os Estados Unidos. Pioneiras na cidade, abriram a loja após um processo de sete meses de criação de receitas e construção e ambientação do espaço, que ofecece um clima familiar, aconchegante, e cheio dos deliciosos donuts, que além da variedade de sabores que dá água na boca de qualquer um, tem um preço bastante acessível.
@
No cardápio, são oferecidas dez opções doces como nutella, doce de leite, açúcar e canela, morango, bem-casado, chocolate ao leite e doce de banana, e o diferencial da casa, que são os donuts salgados de frango ou camarão com catupiry, tomate seco e ricota e peito de peru com mussarela, feitos na hora e servidos quentinhos. No estabelecimento também podem ser encontrados os donuts especiais do dia, que são sabores diferentes, criados a cada dia, como mousse de limão ou creme de baunilha caramelizado, que de acordo com a aceitação do público, permanecem ou não no menu. Todas as receitas foram boladas por Rita e Paula, que é formada em Gastronomia, exclusivamente para a Dear Donuts. A massa utilizada nas rosquinhas também é 100% artesanal, sem nenhum tipo de conservante artificial, feita pelas sócias, que além de cuidar da parte administrativa, literalmente colocam a mão na massa, já que toda a produção é feita por elas diariamente, desde a fritura da massa (que apesar de ser frita, não deixa de ser macia e não é nem um pouco oleosa) até o recheio e cobertura.
@
A clientela também pode optar por saborear os donuts com uma bola de sorvete, o que tem feito sucesso entre os pedidos. O esaço também oferece cafézinho, água, sucos e refrigerante. A grande novidade é que para deixar o lugar ainda mais atrativo, em breve serão adicionados milk-shakes. No cardápio encontram-se wraps e crepes, duas opções de cada, já que Rita e Paula também pensaram em criar algo mais light e saudável para quem não quer sair da dieta. Os donuts, no entanto, são o carro-chefe da casa, e a procura pela iguaria durante o horário de funcionamento da casa é intenso. O nome do local foi pensado com cuidado. Dear, que em inglês significa querido, foi proposto por uma das filhas de Paula, que casou com a ideia de que as rosquinhas, assim como no exterior, podem virar queridinhas aqui no Recife. "Acredito que a comida está ligada à emoção. Quando você quer comemorar alguma coisa, ou fazer um mimo a si mesmo, degustar algo, doce principalmente, sempre vem a mente. E esta é a nossa proposta com os donuts, que são feitos com carinho para transmitirem exatamente este tipo de sentimento" conta Rita.

A Dear Donuts disponibiliza embalagens para viagem e trabalha com o serviço de encomendas. O local só veio a acrecentar à Zona Norte do Recife, e durante o seu funcionamento, é bastante frequentado por famílias, que sempre arrumam um tempinho para parar na loja no caminho de casa e levar as rosquinhas. Por ser um ponto onde o movimento de academias, restaurantes e colégios é bastante intenso, é impossível não olhar para o donut do letreiro e não ir lá conferir. Uma ótima opção para o lanche da tarde, já que a casa funciona de terça a sábado, das 16h às 20h, e chega ao final do expediente com as prateleiras vazias. Vale a pena! A Dear Donuts fica na Rua José Maria, número 836, na Galeria João de Deus, Rosarinho.

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: The Brownie Factory

Luíza Tiné sex, 17/07/2015 - 19:16

Que chocolate é paixão nacional, não é novidade pra ninguém. Sendo assim, é difícil que qualquer comida que leve o produto extraído do cacau como ingrediente também não caia no gosto da maioria das pessoas. Um exemplo de sobremesa feita à base de chocolate, por exemplo, é o brownie, doce típico da culinária americana que vem ganhando cada dia mais espaço no Brasil. Por causa deste sucesso, o empresário Pedro Sette resolveu inauguar a The Brownie Factory, um espaço dedicado comente à iguaria, mas que seguisse fielmente as receitas originais de lá dos Estados Unidos. Ele viajou para Santa Mônica, na Califórnia, onde estudou na The Gourmandise School e aprendeu a fazer o autêntico brownie.
@
Com quiosques nos shoppings Plaza, em Casa Forte, e RioMar, no Pina, a The Brownie Factory atualmente conta com 20 tipos diferentes de brownie, feitos com massa de blend meio-amargo, bem macio e molhado por dentro e com uma casquinha crocante por fora - o que é o diferencial do produto, já é fácil encontrar por aí brownies que tenham uma textura mais seca. Entre as opções estão os de brigadeiro, ovomaltine e o duo de chocolate branco e tradicional. Além disso, nas criações da doceria também se encontram ingredientes com gostinho brasileiro, como a paçoca, e outros mais sofisticados como chocolate ao leite belga, nutela e doce de leite argentino, tudo isso por R$9. Quem passar por lá também pode conferir, além dos sabores fixos, a versão fit, feita com farinha integral e açúcar mascavo, pra quem não quer fugir da dieta. E pode confiar na gente, o gosto é praticamente o mesmo da versão "gordinha".
@
O que também faz sucesso nos quiosques é o Gelado de Brownie (R$19,90 a versão de 400ml e R$24,90 a de 800ml), uma sobremesa que mistura o brownie com sorvete, ideal para o calor que faz no Recife. Todas as versões também são vendidas em caixinhas potinhos, onde o cliente pode, por exemplo, comprar e levar para o cinema. Além dos brownies, nos quiosques também são oferecidos outras sobremesas como cheesecakes, salgados, cafés e bebidas geladas, sem falar nos mini-brownies que são feitos para eventos. A produção por lá não pára - Pedro, que de fato coloca a mão na massa e vai para a cozinha, nos conta que são feitos em média de 500 brownies diariamente e é difícil achar qualquer uma das duas unidades sem movimento. De fato, um local de parada obrigatória pra quem visitar os shoppings RioMar e Plaza.

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Emília Malta Brigadeiro Gourmet

Luíza Tiné sex, 05/06/2015 - 15:25

Existe, em algum lugar no Brasil, alguém que não goste de brigadeiro? O popular docinho nunca deixou de ser o preferido nas mesas de doce na festas do país, porque é fácil de fazer e o sabor, então, incomparável. Uma apaixonada pela iguaria é Emília Malta, que deixou a profissão de Administradora de Empresas para abrir as portas da Emília Malta Brigadeiro Gourmet há cerca de três anos. Tudo começou em casa, quando fez o seu primeiro brigadeiro na versão Amarula para uma festa de réveillon e rapidinho caiu no gosto dos familiares e amigos. Os pedidos para que ela fizesse mais e mais unidades começaram a surgir, até que foi tomada a decisão de se dedicar 100% aos doces, quando viajou para São Paulo para se especializar no assunto, frequentando lugares como a Escola de Confeitaria Diego Lozano e cursos com Vívian Feldman. Hoje em dia, Emília Malta já tem seu atelier no bairro dos Aflitos e dispõe de um cardápio que vai desde o brigadeiro tradicional até os mais sofisticados, como o de champagne Chandon e Romeu e Julieta.

Todos os doces de Emília tem como base o brigadeiro - não importa o sabor. Entre as suas opções, ela destaca os de Farinha Láctea e Leite Ninho, que nunca deixam de fazer parte das suas encomendas. O sucesso destes dois tipos de docinho foi tão grande que ela chegou a criar bolos exclusivos dos sabores, que também podem ser encomendados à ela. Outros sabores que fazem sucesso são os de whisky, tortinha de limão siciliano, cupcakes, damasco com brigadeiro branco, beijinho e coco queimado com bolinho de goma. Todos com um sabor único e o mais interessante, com um formato peculiar. Os brigadeiros gourmet de Emília Malta vem em uma apresentação diferente das bolinhas tradicionais, em formatos feitos à mão, como flores, o que torna a sua produção diferenciada na cidade. Ela ressalta, inclusive, que dependendo da ocasião, os docinhos também podem ser decorados.

As delícias da Emília Malta Brigadeiro Gourmet são feitas por encomenda e o preço é por unidade, variando de R$1,15 a R$4. Os pedidos podem ser feitos para qualquer situação, seja aniversário, festas infantis, eventos corporativos, casamentos, entre outros. Emília atende os clientes pessoalmente no atelier, que fica na Rua Samuel Campelo, número 30, no bairro dos Aflitos de segunda à sexta das 9h às 12h e das 14h às 17h e aos sábados, das 9h ao meio-dia. O espaço, recém inaugurado, por sinal, em breve vai se tornar um espaço de eventos. Outra novidade nos planos de Emília Malta é o lançamento do webiste da brigaderia, onde os clientes poderão fazer suas encomendas online. Nas redes sociais, ela conta com uma página oficial no Facebook e perfil no Instagram - @emiliamaltabrigadeiros_insta. Ficou curioso? Confira um pouco do trabalho da doceira nas fotos de Paulo Uchôa, do LeiaJáImagens:

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Los Moustaches Paleteria Mexicana

Luíza Tiné qui, 26/03/2015 - 18:22

Que as paletas mexicanas viraram febre no Recife, já não é novidade pra ninguém. A novidade é que os empresários pernambucanos estão investindo cada vez mais forte no ramo e trazendo para a cidade espaços cada vez mais sofisticados e com uma grande variedade de sabores da tal versão gourmet do picolé. A exemplo disto está a Los Moustaches Paleteria Mexicana, que abriu há cerca de quinze dias no bairro das Graças, sob o comando de Pedro Oliveira, Bruno Moura e Renato Tiné. E a gente não está brincando quando falamos em variedade: já imaginou tomar uma paleta de coco com recheio de doce de leite, banana com recheio de nutella, abacaxi com hortelã, queijo com goiabada ou maracujá com chocolate? Inimigas da dieta, mas sem dúvidas, amigas próximas do paladar e mais ainda, do calor que faz na cidade.
@
A ideia de abrir um empreendimento juntos vem de longa data, uma vez que os sócios se conhecem desde a época do colegial. Apesar de o boom das paletas na cidade ser notório, a proposta da Los Moustaches é de fazer algo diferente, por isso as criações inusitadas. No cardápio da loja podem ser encontrados os tradicionais de fruta (acabaxi, goiaba, limão, kiwi, maracujá com hortelã, melancia e morango), cremosos (chocolate belga, maracujá com chocolate e paçoca), recheados (banana com nutella, coco com doce de leite, chocolate com leite ninho, menta com chocolate e morango com leite condensado) e especiais (ninho com ovomaltine, Romeu&Julieta e negresco) todos criados por Renato, Pedro e Bruno, e produzidos diariamente na cozinha do espaço. O preço das paletas, que tem o dobro do tamanho do picolé tradicional, varia entre R$6 e R$8. O cliente também pode optar pela adição da cobertura skimo de chocolate ao leite ou branco, também conhecida por chocolate zerado, com o custo adicional de R$1.
@
O espaço leva a assinatura de Plácido Fernandes Arquitetos, abusa do colorido e de elementos como biciletário na área externa. Os personagens mexicanos espalhados pela loja com um tom de bom humor, como a caveira e o cacto, todos sorridentes e com o tradicional bigode - moustache -, são a marca registrada da paleteria. A proposta dos sócios é fazer da Los Moustaches um ambiente familiar, onde todos possam saborear as paletas em um local agradável, com música WiFi e acima de tudo, alegria. O espaço é aberto de terça à sexta das 10h às 22h, aos sábados e domingos das 9h às 22h, e fica na Rua Ricardo Hardman, número 105, loja 01, Graças.

veja a galeria completa

Pequenos Sabores: Mariana Parini Dolci & Cioccolato

Luíza Tiné qua, 18/03/2015 - 20:37

Ela fez a primeira trufa em casa, no ano de 2005, sem pretensão nenhuma de comercializar. Daí, surgiram as ideias de usar os doces como forma de presentear os amigos e familiares, até que tais presentes se transformaram em encomendas, e foi assim que a advogada Mariana Parini deixou de lado a carreira no Direito e assumiu a culinária como profissão. O primeiro desafio veio no ano seguinte, quando assinou a mesa de doces do casamento de uma amiga próxima, e desde então, não parou e hoje comanda a Mariana Parini Dolci e Cioccolato, que fica na Rua Neto de Mendonça, número 25, Jaqueira.
@
A característica principal que Mariana preza por destacar nos seus doces é o fácil reconhecimento - ela faz questão que você saiba o que está comendo sem precisar de ler uma legenda explicando. "Se é de laranja, você vai saber que é de laranja. Assim como maracujá, goiabada, entre outros. Doce pra mim tem que ser sabor, não adianta ser apenas 'cenográfico', aquele que é apenas bonito mas tem o gosto igual" comenta. Em suas várias pesquisas, Mariana busca a inovação nos sabores do seu cardápio, como os brigadeiros de cartola, Romeu e Julieta e de gorgonzola e calda de caramelo, que são criações exclusivas suas. Tudo isto feito à mão por ela mesma com a ajuda de seis pessoas na sua equipe, sem o uso de máquinas, deixando cada doce com o aspecto bastante artesanal e acabamento impecável. A troca da carreira de advogada pela de doceira foi feita com o coração. Mariana acredita ter um dom especial para criar os seus doces e busca inspiração diariamente no seu cotidiano ou quando ela menos espera. Exemplo disto é o doce de flor de goiabada, que veio até ela através de um sonho.
@
Mariana trabalha apenas com encomendas e semanalmente, produz cerca de oito mil guloseimas por semana. No seu ateliê na Jaqueira, ela também promove degustações e realiza a entrega dos pedidos. Em sua cartela de doces, podem ser encontradas criações para casamentos, festas infantis, maternidade, entre outras opções, a critério do cliente, que também ao informar o tema da festa, pode garantir seus pedidos personalizados. Ela conta que os doces feitos na panela, aqueles que preenchem as formas pré-moldadas são os que fazem mais sucesso. Além disto, Mariana também criou a linha natural que contém doces sem lactose, glúten ou açúcar.

veja a galeria completa

Páginas

Pesquisa

Publicidade

Facebook

parabéns para

  • 26 Set Ana Cristina Queiroz
  • 26 Set Maria Helena Mendonça
  • 26 Set Seabra Neto
  • 27 Set José Aécio Vieira Filho
  • 29 Set Carlos Augusto Lyra
  • 29 Set Luciano Vasquez